Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
13 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57504 )
Cartas ( 21184)
Contos (12607)
Cordel (10177)
Crônicas (22282)
Discursos (3141)
Ensaios - (9088)
Erótico (13416)
Frases (44276)
Humor (18618)
Infantil (3903)
Infanto Juvenil (2848)
Letras de Música (5479)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138230)
Redação (2946)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2411)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4981)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->No passo... -- 19/02/2019 - 04:33 (Padre Bidião) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
No passo

De todas as formas, tento caminhar no erro e no acerto do passo que me exige um compasso para que possa definir com uma precisão matemática o que não se pode precisar, salvo minha essência devotada no Evangelho Bidiônico. Piso nas minas colocadas sob o solo dos meus plantares e ora explodem, ora silenciam fazendo-me crer que o silêncio é um exercício complexo que se apresenta de forma helicoidal tal qual a estrutura de uma molécula de DNA, que nenhuma falha de pareamento de moléculas deve ocorrer, sob a pena de um julgamento e condenação que me seguirá até a sepultura. Mas meus passos já andam tão letárgicos quanto os meus pensamentos e não sinto mais aquela ansiedade juvenil que tolamente, caminha sobre a passarela da vida a ser ovacionada por inocentemente pensar que a vida está abaixo do palco de desfile e aos pés de uma juventude que acredita no reino onde só os jovens emanam força, sabedoria e juventude. Mas o silenciar e o calar sob certas opiniões seja nossa melhor performance. Vou no passo, vez em quando, caminhando, ou frevando ou pulando de qualquer fogueira que coloque em risco a minha resistência que insiste na luta por dias de paz, calma e leveza na alma, apesar de.... “você, amanhã há de ser outro dia”. Assim falou um esperançoso que não perde a estranha mania de ter fé na vida.


Padre Bidião
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui