Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
111 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57505 )
Cartas ( 21184)
Contos (12608)
Cordel (10177)
Crônicas (22283)
Discursos (3141)
Ensaios - (9088)
Erótico (13416)
Frases (44277)
Humor (18618)
Infantil (3903)
Infanto Juvenil (2849)
Letras de Música (5479)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138234)
Redação (2946)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2411)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4981)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->Médium Azeitão amante do Biluzão -- 14/12/2018 - 21:42 (Padre Bidião) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Medium Azeitão amante do Biluzão


A casa de tão lotada que era, de repente esvaziou ao som do som do abracadabra:
“Vapu, vapu, escapole da Buchecha vai para o buraco do tatu.”
E lá se foi João do Deus dele que era só dele e que se dizia não ser ele, salvo estivesse no banheiro do cabrodó.
Até Pai Didi papa cu do Pilar Apilado perdera para João de Deus, medium a cada bozó, um Bozo anal lógico sem a lógica ou sensatez. Do céu, ecoaram os sons da trombeta do juízo final para o fim do João dele. O João capotou no capote do juízo sem ser o final, enquanto a humanidade assustada segue com os tambores do juízo final.
E assim, foram tantos que lá na lagoa Manguaba cantaram assim: “Só pensando em ti, não posso ir pra Praia com medo do Didi ( o Papa cu do Pilar).”
Passam-se os ânus e vem o médium João de Deus Bozo no bozó:
Bum, bum,bum!
Ele no desejo bicho dele desejando bicho ser para todos comer, João de Deus a cada coito uma fé deu.
Caixa de fósforo, espingarda baroneta, manifestado, João de Deus Bozo e os duros couros rompidos no tabuleiro sujo apadrinhado pelo bozó de Bozo. Lá vem Bidu com um dedo na boca e outro na venta louca de João o Deus do médium dele. O coito anal lógico de João do Deus medium dele no bozó da fé deu, fez Freud sair do túmulo, explicando o Deus do João no bozó de um povo crente de Bozo tempo.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui