Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
126 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57015 )
Cartas ( 21168)
Contos (12609)
Cordel (10074)
Crônicas (22188)
Discursos (3134)
Ensaios - (8996)
Erótico (13394)
Frases (43614)
Humor (18448)
Infantil (3772)
Infanto Juvenil (2676)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1316)
Poesias (138218)
Redação (2924)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2400)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4847)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->O HOMEM QUE ENCONTROU A VERDADE ATÉ PARECE VERDADE -- 28/11/2003 - 12:37 (ANTICRISTO) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

“O HOMEM QUE ENCONTROU A VERDADE”, embora um conto, contém muito de verdade. Como acontece com todas as chamadas “verdades”, o homem que encontrou a verdade ficou cheio de dúvida sobre sua veracidade, isto é, não tinha certeza se aquilo era verdade. E, na verdade, estava bom demais para ser verdade.



O conto, publicado pelo nosso colega Adelmário, fala do homem que encontrou a verdade, iniciando assim:



“Um dia ele ouviu que a Verdade era o maior tesouro que uma pessoa poderia encontrar. E saiu procurando esse tesouro. Mas muitas vezes foi enganado porque percebeu que no mundo a Mentira se passa facilmente por Verdade, e engana a muitos.

Mas ele não desistiu, e andou muitos anos procurando. Resolveu que não mais perguntaria por ela, porque muitas pessoas enganadas vendiam a Mentira pelas praças e templos, não porque fossem enganadores, mas porque foram eles mesmos enganados.”



Gostei muito disso, porque essa parte até podemos dizer que é mesmo verdade.



Mas, no final da história, essa verdade, materializada em uma pedra, desapareceu, e



“O homem olhou em sua mão e não havia pedra alguma. No restante dos seus dias ficou em dúvida se tinha ou não encontrado a Verdade... Estava já muito velho e não sabia dizer se foi um fato ou um sonho que aconteceu em sua vida...



Hoje, o que mais se vê são pessoas pregando contos antigos como “A VERDADE”, muitos deles não sendo enganadores voluntários, mas divulgadores daquilo com que se enganaram, embora haja aqueles que esteja enganando voluntariamente para tirar do pouco que os pobres têm.



E uma grande parte dos que ainda crêem nessa chamada “verdade” já estão cheios de dúvida quando à veracidade daquilo em que acreditam. Também, diante da clareza dos dados que a ciência arranca do passado, é muito difícil não duvidar de tal verdade.



A bem da verdade, verdade seja dita, jamais se pregou tanto a mentira em nome da verdade, quanto nos nossos dias. E, para completar, o conjunto de livros tão chamado de “A VERDADE”, de acordo com o que as ciências nos têm mostrado nestes últimos dias, exatamente na parte onde dizem conter escrita procedente diretamente do dedo do deus verdadeiro, contém a maior das mentiras que a maioria dos humanos ainda têm até hoje como a maior verdade. Até parece que agora estamos encontrando a verdade.













Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui