Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
89 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57535 )
Cartas ( 21185)
Contos (12631)
Cordel (10185)
Crônicas (22291)
Discursos (3141)
Ensaios - (9093)
Erótico (13416)
Frases (44315)
Humor (18629)
Infantil (3912)
Infanto Juvenil (2858)
Letras de Música (5479)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138263)
Redação (2948)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2412)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4990)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->O vácuo da perda -- 10/04/2017 - 13:14 (Padre Bidião) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
O vácuo que a perda provoca, permite o retorno ao início da existência em que o oxigênio da vida reinava. A presença de uma pessoa com a qual temos vínculo afetivo, torna-se marcante quando analisamos nossa história e logo percebemos o seu significado. No vácuo, não há como reciclar a existência e muito menos a lembrança que a ausência deixou. Fica então, uma sensação de queda livre dos penhascos que tentamos agarrar a todo o custo para evitar a queda em si diante do fato. A morte, é um fato líquido, certo é natural de toda a forma biológica de vida, encontrando mais dificuldade de aceitação principalmente por parte dos humanos, pois a convivência cotidiana ainda que seja só por grau de consanguinidade, prioriza a nossa referência, ou seja, existimos graças a uma herança genética. Muitas vezes, ficamos receosos de perder esse referencial anterior a nós e temos o pressentimento de que não seremos capazes de dar continuidade ao projeto de vida com a qual fomos agraciados. Sendo assim, o vácuo da ausência provocada pela perda, só impedirá algo futuro caso tal ausência não seja trabalhada como uma oportunidade de crescimento do indivíduo HOMEM.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui