Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
84 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57549 )
Cartas ( 21185)
Contos (12637)
Cordel (10186)
Crônicas (22292)
Discursos (3141)
Ensaios - (9093)
Erótico (13416)
Frases (44326)
Humor (18630)
Infantil (3915)
Infanto Juvenil (2861)
Letras de Música (5480)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138275)
Redação (2948)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2412)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4994)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->O brinde -- 07/03/2017 - 20:24 (Padre Bidião) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Naveguei nas braçadas do teu rio e mergulhei no mar do teu amor, a ponto do não saber mais o que era eu ou você. Tive a certeza da união essencial que guarda em ti o que há em mim e faz festa em um só corpo que brinda nas gôndolas do mar infinito do nosso amor que permite sermos simplesmente nós. Sem rota ou carta náutica seguimos rumo ao limite entre o céu e o mar. Lá brindamos e festejamos numa festa só para nós, recepcionada por nós sendo o anfitrião, o nosso amor.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui