Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
99 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57550 )
Cartas ( 21185)
Contos (12637)
Cordel (10186)
Crônicas (22292)
Discursos (3141)
Ensaios - (9093)
Erótico (13416)
Frases (44326)
Humor (18630)
Infantil (3915)
Infanto Juvenil (2861)
Letras de Música (5480)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138276)
Redação (2948)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2412)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4994)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->As palavras -- 21/02/2017 - 03:44 (Padre Bidião) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Palavras

As palavras ditas, ao mundo pertence. As malditas, também. Ambas, tem a mesma procedência entretanto, pertencem a mundos e momentos diferentes e muitas vezes não tão similares em um mesmo mundo. Suas nascentes, são o coração e a mente. No coração, saem vitaminadas ora de ódio, ora de amor, ora de tristeza, ora de alegria; na mente, vem devidamente calculadas e criteriosamente ponderadas e ganham o mundo viajando para longe ou não, edificando ou desmoronando, ensinando ou alimentando, contanto que tenham algum tipo de função. Caso contrário, não são palavras. São ecos.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui