Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
139 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 58133 )
Cartas ( 21211)
Contos (12850)
Cordel (10239)
Crônicas (22080)
Discursos (3147)
Ensaios - (9225)
Erótico (13451)
Frases (45273)
Humor (18933)
Infantil (4152)
Infanto Juvenil (3229)
Letras de Música (5505)
Peça de Teatro (1328)
Poesias (138693)
Redação (2995)
Roteiro de Filme ou Novela (1057)
Teses / Monologos (2417)
Textos Jurídicos (1934)
Textos Religiosos/Sermões (5247)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cartas-->Netinho (*) -- 03/02/2009 - 21:59 (Benedito Pereira da Costa) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Netinho (*)


Caro poeta, boa-noite! muitos escritos? tudo bem? desejo que continue com entusiasmo o seu trabalho.


Reli alguns de seus poemas e encontrei muitos que podem servir em minhas apresentações a hospitais onde conto histórias infantis.


Pretendo em futuro próximo aumentar a variedade: contos, poemas, crônicas, artigos e algumas frases espirituosas que sejam aplicáveis a crianças e a adolescentes.


Este seu poema, que acabo de decorar, gostaria de ler para os meninos. Que acha?


Abraços,

Leitora amiga.


Baby*


Sem lero,
Espero
Quieto.
Vem vindo
Meu lindo:
Um neto


São meses
De às vezes
Se impor.
A filha
Rebrilha
De amor!


Que graça
Se passa
No lar.
Só Deus
Aos seus
vai dar!


_______
(*) Ao meu netinho Rafael. ("Estrada". Campinas (SP): Editora Komedi, 2007, p. 23).

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 24Exibido 594 vezesFale com o autor