Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
130 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 58107 )
Cartas ( 21211)
Contos (12845)
Cordel (10239)
Crônicas (22073)
Discursos (3147)
Ensaios - (9222)
Erótico (13451)
Frases (45253)
Humor (18925)
Infantil (4144)
Infanto Juvenil (3225)
Letras de Música (5503)
Peça de Teatro (1328)
Poesias (138679)
Redação (2995)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2417)
Textos Jurídicos (1934)
Textos Religiosos/Sermões (5244)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cartas-->Essência (*) -- 16/01/2009 - 14:03 (Benedito Pereira da Costa) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Essência (*)


Benedito, bom-dia Dia!


Espero que esta o encontre bem.


Você é a linha-essência que me faz única. São os meus defeitos que me tornam diferente.


Minha capacidade incondicional de amar me faz humana!


Principalmente, sua amizade e carinho fazem-me sentir feliz!


Abaixo transcrevo um soneto, que, no meu entender, expressa o que muitos sentem.



"Hugs and flowers"! Vera


Conflito (**)


Luto com o sentimento que me arrasta
Para um abismo e me faz sofrer somente.
Tento seguir caminho diferente
E só encontro selva negra e vasta

No gesto destruidor do iconoclasta,
arremessa-me força alheia e ingente
Ao pélago, domina de repente
Meu âmino e diz: "É pouco, não basta!"

Para completar, fico prisioneiro
Desse capricho; sinto o desatino
Proibir tudo e anular o mundo inteiro.


Converto-me num ser tão pequenino,
Que perco todo o gênio de guerreiro
E vivo velhos tempos de menino.


______
(*) Brasília, DF, 116/01/2009. Enviada, nesta data, por Vera Frazão.

(**) COSTA, Benedito Pereira da. "Saldunes". 2ª edição, Komedi, Campinas (SP), 2006, p. 29.






Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 24Exibido 565 vezesFale com o autor