Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
102 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57505 )
Cartas ( 21184)
Contos (12608)
Cordel (10177)
Crônicas (22283)
Discursos (3141)
Ensaios - (9088)
Erótico (13416)
Frases (44277)
Humor (18618)
Infantil (3903)
Infanto Juvenil (2849)
Letras de Música (5479)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138234)
Redação (2946)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2411)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4981)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->O raiá de Dorus -- 12/11/2016 - 16:42 (Padre Bidião) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
O raiá de Dorus na pinta de menininho

A lavanda de Rolandry essa fera que o Una pintou o entrelaçar do laçado Nito, que na pinta da arte a titia sofreu dores bem aventuradas em seu Nú de pensares avantajados, menininho traquino que nos cinco anus de vida, leu a enciclopédia barsa e britânica e os penteios rolaram de pernas abaixo. E já dialogava com os marcianus analogicamente nas noites de Palmares adentro montado na besta fubana de calores papaus... Oh Terra Nobre de Grandes Artistas que Rolandri e Nitus (o romano de braguilha aberta e canecú na cabeça) na chupêta intelectual!!
Franciscanamente deu do recebeu, que só Pedro pára aos céus de cada um...abraços a essas duas FERAS que se acaloram camaleando-se diante desse fedido capital, nas deságuas do Una na Manguaba nasceu ALVORADINHA,frevando no Pilar apilado.(TERRA DE ARTUR RAMOS E DOS BAGRES DEU BODE). o CORDEIRO DE deus QUE TIRE O pECADO DO MUNDO.

Padre Bidião
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui