Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
149 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59120 )

Cartas ( 21236)

Contos (13110)

Cordel (10292)

Crônicas (22195)

Discursos (3164)

Ensaios - (9437)

Erótico (13481)

Frases (46507)

Humor (19274)

Infantil (4457)

Infanto Juvenil (3722)

Letras de Música (5478)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138224)

Redação (3054)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5522)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->QUE CONVERSA FIADA É ESSA? -- 10/09/2016 - 20:40 (benedito morais de carvalho(benê)) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
.
Eu dar a minha vida por uma pátria que não ajuda a cultura do seu povo, que deixa os seus filhos ficarem tuberculosos ou morrerem de fome, pátria de governo que rouba dos aposentados e que os chamou de vagabundos, incuindo com certeza, os reformados, essa pátria que paga mal ao trabalhador e o professores com salários que envergonham a história da nação, pátria que tem governo subserviente, traidor do povo, governo indigno que já devia ter renunciado por incompetência administrativa e corrupção, eu dar a minha vida por essa pátria cheia de políticos peçonhentos, de verdadeiras viboras sociais e relgiosas, pátria sem liderança que vive nos envergonhando. Eu, hein, ainda não perdi o juizo, gente. Como diz o sertanejo nordestino- "homi era só o qui fartava..."
 
Croniqueta de 1999
Autor Aldenor Jaime Alencar Benevides (Prof Benevides)
(*) Pacatuba-Ce 02.09.1909
(+) Juazeiro do Norte-Ce 31.01.2007
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 49Exibido 338 vezesFale com o autor