Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
109 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57367 )
Cartas ( 21181)
Contos (12598)
Cordel (10136)
Crônicas (22252)
Discursos (3139)
Ensaios - (9064)
Erótico (13414)
Frases (44122)
Humor (18580)
Infantil (3845)
Infanto Juvenil (2800)
Letras de Música (5476)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138537)
Redação (2942)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2408)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4943)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->A Pena de Morte no Brasil -- 11/11/2011 - 11:17 (Marcelo de Oliveira Souza,IWA Instagram:marceloescritor) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos




Pena de Morte no Brasil


Esse assunto é bastante polêmico em todo o mundo, um verdadeiro tabu, pois se pensarmos direitinho algo tão sublime nunca poderia ser ceifado pelo próprio homem.
Na idade média a pena de morte era instaurada de acordo com os desígnios de qualquer um que empunhava uma espada, os duelos as pendências pessoais e tudo que tratava a preciosa vida como um “nada”.
Em nossos tempos, apesar de tanto desenvolvimento científico, tecnológico e até espiritual, a vida humana continua sendo desvalorizada, desprezada...
As pessoas costumam se impressionar pelos crimes hediondos, pais matando filhos e vice versa, irmão matando irmão por causa de motivo fútil, guerras no tráfico de drogas e de outros produtos ilícitos.
As guerras entre países é uma verdadeira carnificina, hoje com a criação da ONU, o “clube” se junta, decide interferir ou invadir em algum país e sob desculpa de promover a paz, solta a “foice” em todos, ainda inventam pena para os “crimes de guerra” , contudo temos que perceber que toda guerra é criminosa, não existe guerra certa.
Assim como em toda disputa, sempre quem vence é o certo, mesmo proclamando atos espúrios, o perdedor sobre morre e paga pelo que fez e pelo que não fez.
A Pena de Morte existe e sempre existirá, mesmo com os “direitos humanos” , que não serve para nada, pois esses direitos são muito mais que o direito à viver, que já é muito difícil em grande cidades brasileiras, a pessoas perdem seus direitos rotineiramente, mas o pior de todos eles é perder o direito de viver, sendo alvejado por qualquer um marginal e não há nenhuma lei que possa punir esse indivíduo, na mesma moeda mesmo ele assassinando dezenas de pessoas.



Marcelo de Oliveira Souza
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui