Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
209 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 58142 )
Cartas ( 21211)
Contos (12862)
Cordel (10239)
Crônicas (22086)
Discursos (3147)
Ensaios - (9227)
Erótico (13452)
Frases (45294)
Humor (18937)
Infantil (4159)
Infanto Juvenil (3232)
Letras de Música (5506)
Peça de Teatro (1328)
Poesias (138711)
Redação (2995)
Roteiro de Filme ou Novela (1058)
Teses / Monologos (2417)
Textos Jurídicos (1934)
Textos Religiosos/Sermões (5251)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cartas-->Brasileiro contra Brasileiro. -- 19/11/2005 - 23:58 (Marco Túlio de Souza) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Brasileiro contra Brasileiro.

Para: Caixa Econômica Federal

A Caixa Econômica Federal não sei por quê?
Resolveu me sacaniar, pois debitou indevidamente o valor de R$ 33,94 (seguro) em 17/10/2005, em minha conta corrente, como, eu sou uma pessoa do bem e acredito primeiro no diálogo, fui até a agência e reclamei com uma gerente, que por sinal me tratou com certa indiferença, e não soube me explicar que seguro era este. Pedi a ela algum documento referente a este débito, ela não me apresentou, depois ligou para um monte de lugar, voltou e me fez algumas perguntas tipo – você tem carro – casa – e eu respondi não tenho nada. Fui embora e ela ficou de resolver e, pela cara dela, eu vi que ela não ficou satisfeita com a minha atitude. Não querendo generalizar, mas quando o bancário acha que ele é banqueiro, ele se torna poderoso para os poderosos. Passaram os dias e nada do dinheiro voltar para minha conta, nesta altura eu já tinha passado e-mail – para ouvidoria da Caixa, e depois recebi alguns telefonemas – perguntando – se o problema tinha sido solucionado, eu disse não. O gerente me ligou falando, que foi um erro no numero da conta, mas que ele já estava resolvendo o meu problema. Então no dia 16/11/2005, resolvi conferir o meu saldo em conta (coisa desnecessária, pois pobre já sabe o saldo de cor e salteado), mas como havia um erro na minha conta, então conferi. Para minha surpresa mais um débito indevido de R$ 91,23 – referente à (caixa cap) sem a minha autorização. Liguei para a Caixa Econômica Federal, enviei e-mail e, sabem o que aconteceu nada. A minha conta esta devedora e eu estou no cheque especial. Agora entrei com duas demandas no Banco Central e estou aguardando resposta.
Prezados leitores, me desculpem por escrever uma coisa tão baixo astral e, quero deixar bem claro, que não é pelo valor que foi debitado na minha conta, mas é pelo descaso que eles estão fazendo de mim.
E, eu fico perguntando–me se eu estivesse com saldo devedor de R$ 1,00? O que eles estariam fazendo comigo, no mínimo o meu telefone iria tocar diversas vezes – com aquelas mensagens – Senhor a sua conta esta devedora, favor depositar urgente – Senhor o seu nome será incluído na lista negra (Serasa, SPC).
Como eu não se mais a quem recorrer.
Ai! Vai a minha indignação.

Autor: Marco Túlio de Souza




Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui