Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
9 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57504 )
Cartas ( 21184)
Contos (12607)
Cordel (10177)
Crônicas (22282)
Discursos (3141)
Ensaios - (9088)
Erótico (13416)
Frases (44276)
Humor (18618)
Infantil (3902)
Infanto Juvenil (2848)
Letras de Música (5479)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138230)
Redação (2946)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2411)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4981)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->CAMA DE GATO CAETÉ DE SANTA- FEZAL -- 28/02/2011 - 06:56 (Padre Bidião) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
CAMA DE GATO CAETÉ DE SANTA-FEZAL
Ô Senhora do Ó na piedade de Ana de dias de curral partidário político, o ciclo menstrual eleva os ânimos, avermelha a SANTA-FEZAL. A agitada guerreira fascista, caráter alimentado após o cruzamento. “PORCA MADONA” com o calor bandeirante nu estandarte dela, adquiriu a capa de sela TCHÊ. O Dr. Incitatus na sombra “ROYSTONEA OLERACEA” e tabica na mão chiba teia com força até no barro batido da terra de Ana Lins na arrogância de sua falácia. A bodeja ação do polvo desnutrido entrega sua liberdade e sonho na certeza de saneamentos, saúde, educação e dias melhores. O longo ciclo da “FERA VERMELHA”, estrela na região glútea, com “OLHOS DE ESQUINA” trabalham com força a poeira da procissão de Santa Cruz, em caminhares tantos nos pés rachado da fé pelejada, embasam a visão real gente e afana o patrimônio publico , saneando seus bens particulares.

Paz na Terra as “Bichas” de Boa Vontade.
O Cordeiro Caeté que Pague o Pecado do Mundo.

Vai a Paz

Padre Bidião
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui