Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
95 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57381 )
Cartas ( 21182)
Contos (12607)
Cordel (10139)
Crônicas (22258)
Discursos (3139)
Ensaios - (9064)
Erótico (13414)
Frases (44146)
Humor (18586)
Infantil (3848)
Infanto Juvenil (2803)
Letras de Música (5476)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138550)
Redação (2942)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2408)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4944)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->Torcedores. -- 27/04/2010 - 23:26 (Marcelo de Oliveira Souza,IWA Instagram:marceloescritor) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Torcedores


Muitas pessoas que não estão envolvidas com o esporte questionam o que move um bando de pessoas a torcer por um time.
O time de futebol não é apenas jogadores, são as cores, a união de um time de torcedores pelejando por algo em comum.
O representante das massas, aquele jogador que veio do nada, agora é tudo para muita gente, muito dinheiro envolvido, a fama, a idolatria e tudo que a bola envolve. Quem assiste a partida, torce para que naquele último minuto o campeão, defensor das suas cores, do seu final de semana, da sua auto-estima e principalmente do bolso dele e de muita gente, se supere fazendo o gol, ao passo que todos os torcedores explodem de alegria e satisfação.
Essa visão romântica de torcida “organizou-se” , transformando esse grupo anônimo em “gladiadores” prontos para explodir por qualquer motivo, o principal motivo é a ira aos adversários, esses “membros” que saem de onde ninguém sabe, tomam os espaços urbanos, gritam, batem e agridem, impingindo cantos de guerra, espalhando ódio aos times e torcidas rivais e o que era uma explosão de emoção, transformaram-se em explosões de bombas caseiras, de gás lacrimogêneo, de gritos, sangue e principalmente choro e dor de pessoas que perderam o seus entes queridos, somente por eles terem preferência por outro clube.

Marcelo de Oliveira Souza
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui