Usina de Letras
Usina de Letras
28 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 61983 )

Cartas ( 21333)

Contos (13252)

Cordel (10446)

Cronicas (22532)

Discursos (3236)

Ensaios - (10271)

Erótico (13561)

Frases (50400)

Humor (20004)

Infantil (5392)

Infanto Juvenil (4728)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1375)

Poesias (140727)

Redação (3291)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1957)

Textos Religiosos/Sermões (6144)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cordel-->Energia Latente -- 16/08/2000 - 20:59 (Andréa Abdala) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Energia Latente


Do nó é o centro
do corpo a poesia
tradição na música
ao tocá-lo arrepia

Um pouco egoísta
cada um tem o seu
cicatriz ou escudo
- não zombe do meu

Pétala charmosa
do abdomem o elo
região da memória
aconchego singelo

Estranha ligação
algo energizado
de intensa irrigação
quando acariciado

Na arte e cultura
é fato fundamental
dominado pela jura
danadinho como tal

É dança do ventre
inexiste outro igual
sua energia latente
faz-me um imortal

Doce caramelado
dos deuses o manjar
um contato afinado
faz a alma se calar

Suspiro envolvente
é certo o que digo
inebria sua mente
este doce umbigo.

©Andréa Abdala
14/08/00
Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui