Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
235 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59127 )

Cartas ( 21236)

Contos (13112)

Cordel (10292)

Crônicas (22195)

Discursos (3164)

Ensaios - (9439)

Erótico (13481)

Frases (46510)

Humor (19279)

Infantil (4457)

Infanto Juvenil (3725)

Letras de Música (5478)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138227)

Redação (3054)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5523)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cartas-->Obrigada, G -- 16/08/2004 - 09:03 (fernanda araújo) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
. Querida G,
Eu compreendo sua ausência. Foi ( e está sendo...) muito difícil aceitar a partida do Lúcio. Obrigada pela sua volta. E muito agradecida pela mensagem que é muito profunda e nos dá uma grande lição!
Um abraço comovido pela sua carta,
fernanda

“Que bom podermos entrar em contato pela internet!!!
Viva a tecnologia! Desta forma tenho conseguido estar em contato com pessoas que não vejo ha anos, mas que a amizade e o carinho que sinto
continuam os mesmos.
Gostaria que soubesse que AMO muito vocês!! Mesmo estando distante e sem contatos, eu a admiro muito! O Lúcio sempre falava de você com
tanto carinho e admiração que todos os que eram seus amigos lhe amam também... Que Deus me ajude a ter do meu filho o mesmo respeito e amizade que seus filhos tem de você, sei que não é fácil, é uma conquista e temos de nos espelhar em exemplos como o seu!
Em segundo lugar gostaria de lhe pedir PERDÃO! Eu fugi de uma realidade que não queria enfrentar... Você sabe o quanto eu amava o Lúcio e sei que era recíproco também (......) Sei que não foi a sua dor, mas o espaço continua ocupado por ele até hoje! (...) porque como o Tio Lúcio, o quanto ele participava de tudo na minha vida, desde o namoro, a separação, minhas descobertas, minhas experiências espirituais, minhas amizades, meus projetos, em tudo ele estava comigo, nem sempre concordando, mas presente SEMPRE. Para ele não existia ninguém suficientemente bom para ser meu namorado.
Fiz vários cursos com o tema de Cura Interior e Batalhas Espirituais, em um destes cursos, o Palestrante estava falando sobre "sintomas" que as pessoas apresentavam quando não tinham ENTERRADO algum ente querido! Coloquei a carapuça!!! Eu não tinha ido mais em acampamento da Mocidade pois eu ia com ele, não tinha ido no restaurante chinês que ele me levou e que íamos sempre com ele nas reuniões de família, não tinha ido mais na sua casa, afastei de algumas pessoas, não coloquei enfeites de natal, dentre outras coisas... Aí fui na frente, entreguei para Deus esta situação, pedindo perdão por não ter aceitado a SUA vontade. A partir daí fui no restaurante chinês, fui a um acampamento da Mocidade, reencontrei amigos em comum e ficou faltando entrar em contato com você... Por isso lhe peço perdão, sei que na hora que mais precisava que estivéssemos próximas eu me afastei, mas não foi intencional, só depois eu descobri que tinha sido uma FUGA, um escape, uma negação!!!
Como a vida continua, Jesus tem nos fortalecido, empreendi novos projetos e estou envolvida nos últimos anos em cursos na minha área mesmo. Isto tem me tomado muito tempo e energia! Tenho curso 2 e 3a. e quando posso 4a., de quinze em quinze dias. Depois tenho de correr atrás para atender meus pacientes e conseguir dinheiro para bancar os dias parados...
Por isso não tenho dado assistência nem a minha família, fiquei quase 3 meses sem ir a Divinópolis...
A internet tem me possibilitado matar as saudades e fazer "visitas"
aonde não tenho tido tempo de ir.
Vou passar o seu e-mail para a Nelma quando a encontrar, ela agora é ..., fez curso e trabalha em um shopping. Também atende a domicílio, veio atender o G. aqui em casa. Ela gosta muito de você e não tem uma vez que não pergunta como vc está!! Quais notícias eu tenho... Agora vou lhe falar que continua muito bonita!!!
Estou lhe enviando uma mensagem em slides que acho muito bonita, pode ser que tenha para quem repassá-la.
Não consegui identificar a crônica que me enviou, abriu na página principal, mas gostei muito de conhecer o site, não conhecia. Favor me
enviar novamente a crônica que queria me mostrar.
Dê um abração em todos, um especial para você,
G.”


Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui