Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
170 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59112 )

Cartas ( 21236)

Contos (13108)

Cordel (10292)

Crônicas (22195)

Discursos (3164)

Ensaios - (9435)

Erótico (13481)

Frases (46498)

Humor (19274)

Infantil (4456)

Infanto Juvenil (3718)

Letras de Música (5478)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138219)

Redação (3053)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5520)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cartas-->Para a menina de L. -- 17/07/2004 - 19:20 (fernanda araújo) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
. “Você falando de chão de cimento vermelhão... ( na crônica da Canoa furada) eu me lembro que nossa primeira casa, alugada, era assim...brilhava que só ... mãe quando queria me castigar me colocava para passar o "escovão" de não sei quantos quilos e palha de aço para brilhar, uma vez que não tínhamos enceradeira elétrica.... ai, anos depois compramos aquele imóvel que era o antigo clube social de L.... meu pai fez umas reformas "temporárias" no fundo que era a parte do clube que tinha as sinucas e se transformou em nossa casa - temporária - só fazem uns 20 anos.... não vou me esquecer disto: o telhado,da parte de trás de nossa casa, estava muito velho e pai resolveu trocar a telha francesa por telha de amianto- eu morria de vergonha - mas fazer o que - era a nossa casa própria... bem um dia, tinha uns 13 anos de idade, choveu muito daquelas de pedra de gelo que acontecem em L. de vez em quando... bem, o telhado "pobresorio" que ainda não tínhamos trocado depois de 2 anos já morando la ... voou muitas telhas e nossos trecos debaixo de chuva... eu chorava...que doía....”
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui