Usina de Letras
Usina de Letras
98 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 62145 )

Cartas ( 21334)

Contos (13260)

Cordel (10448)

Cronicas (22529)

Discursos (3238)

Ensaios - (10339)

Erótico (13566)

Frases (50551)

Humor (20021)

Infantil (5418)

Infanto Juvenil (4750)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1376)

Poesias (140784)

Redação (3301)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1958)

Textos Religiosos/Sermões (6175)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Cordel-->Despedida de Mestre Egídio -- 30/04/2002 - 16:38 (Anecildo Katz) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Meu querido Mestre Egídio,
depois desse triste adeus
me perguntava "Meu Deus,
te picou algum ofídio?"
Cometeria filicídio
se te matou Zé Limeira.
Chega desta brincadeira,
Usina te necessita,
será por uma cabrita
que querem te dar rasteira?

Oh, não cometas suicídio;
sempre tem vírus, os meus
são religiosos e ateus
e escapados do presídio.
Vê se controla o glucídio
- diabetes é traiçoeira -
Volta a cantar nesta feira,
que é - no Usina - favorita
e se algo tem que te irrita
chama a cantar Zé Limeira.

Anecildo Katz Neto
Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui