Usina de Letras
Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
197 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 58880 )
Cartas ( 21229)
Contos (13056)
Cordel (10273)
Crônicas (22178)
Discursos (3163)
Ensaios - (9376)
Erótico (13474)
Frases (46140)
Humor (19173)
Infantil (4376)
Infanto Juvenil (3580)
Letras de Música (5473)
Peça de Teatro (1332)
Poesias (138025)
Redação (3040)
Roteiro de Filme ou Novela (1060)
Teses / Monologos (2425)
Textos Jurídicos (1940)
Textos Religiosos/Sermões (5445)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->VIDA E MORTE NO TERREIRO -- 23/02/2021 - 09:21 (Andarilho) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
.

 

VIDA E MORTE NO TERREIRO

Poeta Andarilho

 

De repente... um mundo novo em nossa frente!

Como ovinos confinados em aprisco

As famílias na prisão do imaginário risco

Pobres reféns dum diminuto agente!

 

A nossa vida, com liberdade em confisco,

Que numa espécie de arresto, simplesmente,

Separou Pai, Filho, Neto e qualquer parente,

Na mesma intensidade dum corisco!

 

No amálgama de medo com insanidade,

Trincaram até a base da fraternidade,

Sob o azo de estado de emergência!

 

Que volte logo aquele mundo aventureiro,

Onde a vida e a morte brincam no terreiro,

Sem deixar a Humanidade na indigência!

 

 

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 1Exibido 25 vezesFale com o autor