Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
75 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57103 )
Cartas ( 21170)
Contos (12601)
Cordel (10092)
Crônicas (22211)
Discursos (3136)
Ensaios - (9014)
Erótico (13402)
Frases (43751)
Humor (18482)
Infantil (3791)
Infanto Juvenil (2714)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1317)
Poesias (138312)
Redação (2926)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2401)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4889)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Os Protestos! -- 08/09/2019 - 11:50 (paulino vergetti neto) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

 

Os protestos!

 

 

 

Uma estrela brilhou, céu escuro.

Vi o azul do mesmo céu sob a chuva intensa,

mortais enterrados em pleno vento,

Indo...

 

Por que choro?

Vivo a sorrir sob o mar,

Estragando os instantes do relógio quebrado,

no sussurro do barulho dos cegos

que não querem abrir os olhos,

como lunetas sujas do melaço escuro da cana

das abelhas modernas,

cheias de penas e de pernas...

esses lindos frangos sem amor.

 

Parei para correr.

Vi a morte levantando-se dos túmulos da Paulista,

e uma multidão perdida a protestar,

sem nada saber,

mas, A tudo dizer..., mentindo.

 

O que é bom é bonito

Seja na ficção ou no Mito.

Deixem que as pessoas governem para o bem,

e nas ruas, sem as controvérsias de ninguém,

o país ande!

https://www.recantodasletras.com.br/poesias-do-social/6740114

Poema inédito (08/09/2019)

Paulino Vergetti

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 18Exibido 41 vezesFale com o autor