Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
95 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57500 )
Cartas ( 21184)
Contos (12607)
Cordel (10175)
Crônicas (22280)
Discursos (3141)
Ensaios - (9088)
Erótico (13415)
Frases (44274)
Humor (18616)
Infantil (3901)
Infanto Juvenil (2847)
Letras de Música (5479)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138230)
Redação (2946)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2411)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4980)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Caindo por terra -- 01/07/2019 - 19:56 (Lorde Kalidus) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

O sangue do Cordeiro não me tem valor

Quando a primeira alma a salvar é a própria

Pois nenhuma dor pode ser mais imprópria

Que a de quem pode torná-la indolor

 

Qual ocorreu com Abraão e, então, com Jó

Em testes cujo final Ele conhecia

O carpinteiro, da mesma forma, sabia

Que logo Seu sofrimento seria pó

 

Não é demais lembrar do arrependimento

Que o próprio Criador disse sentir

Ao ver o que se tornou Sua criação

 

Fica configurado, assim, o erro

Do autor de toda estória já criada

E caída por terra Sua perfeição. 

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 1Exibido 36 vezesFale com o autor