Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
118 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57014 )
Cartas ( 21168)
Contos (12605)
Cordel (10073)
Crônicas (22188)
Discursos (3134)
Ensaios - (8995)
Erótico (13393)
Frases (43608)
Humor (18447)
Infantil (3772)
Infanto Juvenil (2676)
Letras de Música (5469)
Peça de Teatro (1316)
Poesias (138217)
Redação (2924)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2400)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4847)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Teses_Monologos-->O QUE É MORTE? -- 02/11/2003 - 17:35 (ANTICRISTO) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

Morte é o fim de uma vida. Entretanto, assim pensa um pequena parte da humanidade. O restante tem vários conceitos sobre o que significa esse fenômeno inevitável. Embora tantos pensem de formas diversas, para mim é o fim mesmo.

Desde que o homo sapiens inventou a fala, começou a transmitir a idéia de que os mortos continuam existindo, porque as pessoas sonhavam com os mortos e não entendiam o mecanismo do sonho. O mesmo fenômeno deu origem à tão pregada alma ou espírito.


Essa crença inspirada no sonho, entretanto, não permaneceu a mesma em todos os lugares, nem em todos os tempos:

uns criaram explicações de que o morto permanece eternamente naquele estado invisível, só visível em sonho;

outros aventaram a idéia de que aquele espírito sobrevivente à morte volta a incorporar outra pessoa sucessivamente, muitos até pensando que ele passa, não só por humanos, mas também por animais irracionais, ou até por plantas.

Mas não parou por aí:

O Cristianismo trouxe a idéia de que o morto que se transformou em pó irá se recompor um dia e ter uma outra vida, que será eterna e de completa felicidade, ou de infindável suplício.

Atualmente, analisando à luz de todo o desenvolvimento científico, não se encontra o mínimo indício de que alguma dessas idéias tenha fundamento.

Por isso, continuamos a crer que uma “morte” é “o fim de uma vida”.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui