Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
233 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59012 )

Cartas ( 21232)

Contos (13075)

Cordel (10287)

Crônicas (22188)

Discursos (3163)

Ensaios - (9397)

Erótico (13483)

Frases (46345)

Humor (19241)

Infantil (4416)

Infanto Juvenil (3659)

Letras de Música (5476)

Peça de Teatro (1335)

Poesias (138112)

Redação (3046)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2425)

Textos Jurídicos (1940)

Textos Religiosos/Sermões (5486)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->O AMOR PODE SE TORNAR PÓ -- 13/11/2016 - 16:22 (Benedito Generoso da Costa) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
. O AMOR PODE SE TORNAR PÓ



Enquanto leva para longe o vento

As folhas secas de árvores sem cores,

Carrega junto sempre algum lamento

Ao arrastar as pétalas de flores.



Assim é a vida com suas tantas dores,

Óbvias razões de algum sofrimento,

Que quase sempre são fim de amores

Felizes outrora em algum momento.



Por uma estrada estreita e poeirenta

Paixão e esperança seguem o caminho,

O fardo é pesado, mas o amor aguenta.



Um vendaval vem destruir seu ninho

Na tempestade que o galho arrebenta,

Vira pó ao vento o amor sem carinho.



BENEDITO GENEROSO DA COSTA



Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original.

(você deve citar a autoria de Benedito Generoso da Costa e o site http://www.usinadeletras.com.br/exibelotextoautor.phtml?user=GENEROSO).

Você não pode fazer uso comercial desta obra.

Você não pode criar obras derivadas.

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 101Exibido 134 vezesFale com o autor