Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
58 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57108 )
Cartas ( 21170)
Contos (12599)
Cordel (10092)
Crônicas (22211)
Discursos (3137)
Ensaios - (9016)
Erótico (13403)
Frases (43763)
Humor (18490)
Infantil (3792)
Infanto Juvenil (2719)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1317)
Poesias (138314)
Redação (2926)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2401)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4891)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Convulsão -- 15/10/2016 - 17:57 (Marcelo de Oliveira Souza,IWA Instagram:marceloescritor) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Convulsão



Num mundo sem orientação

Filhos sendo pais

Sem nenhuma emoção

Tiros nas ruas

Sem compaixão...

O medo reinante

Nos guetos da ingratidão

O mal respira

Sem oxigenação,

O sol nasce

Na cidade sem pretensão...

O tumulto agora é ordem

Todo lugar é medo e coação.



Gente comendo gente

Tapa, murro, arranhão

O respeito inexiste

Só percebemos a convulsão

Revoluções por minuto

Sem ideal de comoção

O caos completo

Impera na multidão,

Isso tudo é pouco

A gente lamenta, de paixão

Mas essa convulsão

É a mínima amostra

Se não tivesse educação

E um professor segurando

A nossa mão!



Feliz dia dos professores!





Marcelo de Oliveira Souza,iwa











Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui