Usina de Letras
Usina de Letras
29 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59271 )

Cartas ( 21241)

Contos (13147)

Cordel (10297)

Crônicas (22219)

Discursos (3164)

Ensaios - (9463)

Erótico (13486)

Frases (46709)

Humor (19312)

Infantil (4487)

Infanto Juvenil (3784)

Letras de Música (5484)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138414)

Redação (3059)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5563)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->EU QUERO MESMO É SER PRESIDENTE -- 28/05/2016 - 15:42 (benedito morais de carvalho(benê)) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos

Eu quero ser presidente


decolar no Air Force 51 (*)


acenando e sorridente


deslocar com batedores


se beneficiar dos favores


guarda de honras


guarda-costas


guardas-sacos


e outras bostas


ternos sob medidas


dizer coisa


com coisa


sobre direitos humanos


prometer


e não cumprir


fumar charutos cubanos


um populista


oportunista


um vendedor de ilusão


pedalar


negar


chorar


delatar


fazer conchavos


barganhar


toma lá, dá cá


ganhar no grito


busto de granito


meu retrato no lugar


massagear o meu ego


no poder me perpetuar


na Pátria minha mamar


cercado de imbecis


sejam eles:


militares


eclesiásticos


civis


todos arrotando status


adeptos das carteiradas


você sabe com quem está falando?


Criar 100 ministérios


empossar a curriola


rodeados de mistérios


de barganhados ministros


e seus paretes mariolas


e correligionários sinistros


surrupiar as finanças


nos acordos escusos


deixar quebrado o país


laranjas no patrimônio


exilar-me na França


morrer de tédio em Paris


quero que o povo se dane


para que aprenda a votar


gosta mesmo que o engane


é um povo fácil de enrolar


próximo pleito irei voltar


para avacalhar outra vez


rir da cara de vocês


e depois me aposentar


no pijama da impunidade


bebendo malte escocês


para esconder o dinheiro


constituirei um puteiro


denominado Instituto


com palestras e lero-leros


deixarei o povo culto


povo besta, o brasileiro!!


 


(*)-Avião presidencial Airbus A319 batizado de Santos Dumont ou Aerolula


 
Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 49Exibido 148 vezesFale com o autor