Usina de Letras
Usina de Letras
68 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59276 )

Cartas ( 21241)

Contos (13148)

Cordel (10297)

Crônicas (22219)

Discursos (3164)

Ensaios - (9464)

Erótico (13486)

Frases (46713)

Humor (19313)

Infantil (4488)

Infanto Juvenil (3785)

Letras de Música (5484)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138414)

Redação (3059)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5564)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->CARTA POEMA À DONA QUININHA -- 05/03/2015 - 11:52 (benedito morais de carvalho(benê)) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos

bom dia, mãe

estamos em maio

mês do trabalho

dia das mães

mes do malho

noivas no encalho

da falsa libertação

da maldita corrupção

do modismo do apagão

dos filhos se prostituindo

individados e consumindo

pra ter status de cidadão

mês dos desempregados

profissionais desenganados

professores esganados

da terrivel violência

dos direitos violados

da mixordia da votação

no painel do senado

mês cheirando a retrocesso

da podridão no congresso

da velha politica bichada

o sistema globalização

que enterrou a nação

politicos profissionais

roubando cada vez mais

já venderam até as fraldas

das crianças brasileiras

mazelas e roubalheiras

herança politica bestial

nesta terra de agiotagem

política é pura malandragem

imperando a lei da vantagem

com uma justiça mangonha

fizeram do país um puteiro.

Mãe, a gente sente vergonha

de ser cidadão  brasileiro.

 

OBS-poema de maio/2001 (parece que foi hoje)

Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 49Exibido 178 vezesFale com o autor