Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
84 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57095 )
Cartas ( 21170)
Contos (12595)
Cordel (10090)
Crônicas (22210)
Discursos (3136)
Ensaios - (9014)
Erótico (13401)
Frases (43742)
Humor (18479)
Infantil (3788)
Infanto Juvenil (2712)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1317)
Poesias (138305)
Redação (2926)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2401)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4887)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Uma Vez -- 09/07/2014 - 01:10 (MARIA CRISTINA DOBAL CAMPIGLIA) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos


UMA VEZ

Naquele dia não estávamos vivos
apenas vibrávamos como átomos.
Era mais que estar simplesmente vivo
era ser.
De um jeito parecido com flor
aderido à vida mas brincando de acabar logo.

Estávamos mágicos porque passageiros
sem o interesse arrastado de quanto duraríamos
abertos a nós mesmos
defeituosos y loucos
cheios daquilo que o mundo detona
porque não suporta
de tão inteiro.

-----------------------------------------------------

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 1Exibido 55 vezesFale com o autor