Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
274 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59136 )

Cartas ( 21236)

Contos (13103)

Cordel (10292)

Crônicas (22196)

Discursos (3164)

Ensaios - (9439)

Erótico (13481)

Frases (46519)

Humor (19281)

Infantil (4461)

Infanto Juvenil (3729)

Letras de Música (5479)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138237)

Redação (3054)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5525)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Contos-->Ella -- 22/11/2011 - 21:28 (Juliana Mendes Velludo Guidi) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
.

Se Deus cometeu um erro, esse erro é Ella. Ela é um excesso de sem sentido. Veio ao mundo para destruir tudo ao seu redor. Fez-se overdose de desastres e perdeu a admiração da pessoa que mais amou. Hoje, depois do mundo ter caído sobre sua cabeça, pensa em partir. Não será fácil, pois precisa sair de si para recomeçar sua vida. Vida que ela desejou não mais ter.

Ella é impulsiva e não sabe se calar. Com sua sinceridade ridícula, colocou tudo a perder. Sim! Sua sinceridade é ridícula. Não suporta mentir e fala mais do que o necessário. Foi o que a destruiu. E o pior: nem sempre sabe se expressar. E dessa vez fez a maior de todas as trapalhadas. Fez parecer que não ama quem mais ama. Ficou insegura e, com receio de ser desprezada, agrediu seu amor. Não soube lidar com a distância. Sofreu. Ficou cega. E louca. É! Ella enlouqueceu. Pirou mesmo!  Por ciúme declarou guerra contra quem  lhe ameaçou. E tudo virou uma grande confusão.

O melhor que ela tem a fazer é sumir. Não passa mesmo de um monte de nada. Sua alma é vazia e nada pode acrescentar às pessoas. O que ainda faz aqui é o que não entende. Mas isso é apenas mais uma das muitas outras coisas que Ella não consegue entender.

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui