Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
96 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57092 )
Cartas ( 21170)
Contos (12605)
Cordel (10090)
Crônicas (22211)
Discursos (3136)
Ensaios - (9014)
Erótico (13401)
Frases (43740)
Humor (18477)
Infantil (3788)
Infanto Juvenil (2712)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1317)
Poesias (138303)
Redação (2926)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2401)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4886)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->A Madrugada dos Mortos! -- 16/04/2014 - 12:16 (Marcelo de Oliveira Souza,IWA Instagram:marceloescritor) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
A Madrugada dos Mortos



Na Semana Santa

Os mortos clamam

Por uma chance,

Já os vivos reclamam.



No desespero da greve

Os policiais lutam

Eles precisam sobreviver

Mas ninguém vê.



A população previu

Surgindo um arrepio,

Num confronto de verdades

Reina a Madrugada dos Mortos.



Tem muito vivo comemorando

E muitos mortos gritando,

Eles urram...

Os vivos sussurram...

Os tiros e arrastões

Voltaram.



Transformaram a Semana Santa

De muitas orações

Na madrugada dos Mortos

De medo de viver!





Marcelo de Oliveira Souza



Sobre a greve dos Policiais na Semana Santa de 2014

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui