Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
115 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57014 )
Cartas ( 21168)
Contos (12608)
Cordel (10074)
Crônicas (22188)
Discursos (3134)
Ensaios - (8996)
Erótico (13394)
Frases (43611)
Humor (18448)
Infantil (3772)
Infanto Juvenil (2676)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1316)
Poesias (138217)
Redação (2924)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2400)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4847)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->PELE (poema "PIEL" na versão em português) -- 10/03/2014 - 03:12 (MARIA CRISTINA DOBAL CAMPIGLIA) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
PELE



Cuando teus olhos me tocam

como se fossem tuas mãos

eu os retenho um pouco,

no percurso de minha pele

ou ainda melhor

se possível

gravo-os com a mirada

para guardá-los

até algum fim



porque tudo que começa termina

e sabemos

porque somos termináveis com o tempo

embora em nós isto doa



então quando tuas mãos

olham-me

como se fossem um par de olhos

percorrendo algumas partes

de minha pele

e unificando-as

num corpo



tento te olhar com as minhas

te tocar com meus olhos

te calar com a minha boca

para te juntar num ser

que me receba

inteiro e abraçador

como se fosse possível esquecer

que somos feitos de tempo...





--------------------------------------------------

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 1Exibido 33 vezesFale com o autor