Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
120 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57047 )
Cartas ( 21170)
Contos (12612)
Cordel (10080)
Crônicas (22199)
Discursos (3134)
Ensaios - (9000)
Erótico (13395)
Frases (43641)
Humor (18455)
Infantil (3772)
Infanto Juvenil (2688)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1316)
Poesias (138234)
Redação (2924)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2401)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4852)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->QUE COISA -- 22/01/2014 - 02:12 (MARIA CRISTINA DOBAL CAMPIGLIA) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos


QUE COISA



Havia uma risada tua

que chamei de não permitida

embora livre, até ousada

muito sadia



não consegui saber

de onde vinha

código algum de barras

suporte ou marca

não tinha



eu a queria roubar

e não por qualquer ciúme

apenas para nadar

nela assim

minha







----------------------------------
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 1Exibido 67 vezesFale com o autor