Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
288 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57895 )
Cartas ( 21198)
Contos (12734)
Cordel (10220)
Crônicas (22337)
Discursos (3145)
Ensaios - (9150)
Erótico (13438)
Frases (44799)
Humor (18785)
Infantil (4022)
Infanto Juvenil (2986)
Letras de Música (5485)
Peça de Teatro (1324)
Poesias (138551)
Redação (2962)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2413)
Textos Jurídicos (1931)
Textos Religiosos/Sermões (5096)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->ACENOS EXISTENCIAIS DA FANTASIA -- 05/09/2013 - 16:58 (João Ferreira) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Acenos existenciais da fantasia

Jan Muá

5 de setembro de 20013



Ensinou-me Parmênides

Que pensar e ser é uma coisa só

Sinto portanto que se te penso és minha

Porque te figuro

Com alma e corpo definidos

Alegro-me porque és minha

Por eu ser teu criador

E por habitarmos juntos

Com nossas duas almas

E nossos dois corpos

Aquieto-me porque bastará

Este estar-sendo imaginário

Para existirmos juntos

Sem limites e sem fronteiras

Como no bojo de uma arca milagrosa

Confortáveis

Na guerra de um tempo que se esvai.



Jan Muá

05 de setembro de 2013
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 75Exibido 246 vezesFale com o autor