Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
56 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57109 )
Cartas ( 21170)
Contos (12593)
Cordel (10092)
Crônicas (22211)
Discursos (3137)
Ensaios - (9016)
Erótico (13403)
Frases (43763)
Humor (18488)
Infantil (3792)
Infanto Juvenil (2719)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1317)
Poesias (138314)
Redação (2926)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2401)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4891)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->Devaneios da novela Malhação -- 23/01/2003 - 01:49 (Marcelo de Oliveira Souza,IWA Instagram:marceloescritor) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
DEVANEIOS NA NOVELA MALHAÇÃO







A interminável novela Malhação, agora deu para aparecer os devaneios do seu autor.

Não sei se ele acha que as pessoas que assistem ao seu folhetim são algum tipo de lunáticos.

As coisas que ele apronta são fora de série, agora ele colocou um mendigo para viver na arabaca de Cabeção e Maumau, traçando um tom de comédia, passando vários capítulos naquela agonia, se o dito cujo sai ou não do carro, que ele adotou como sua moradia.

A louca Bia, que teve seu filho com Perereca, perdendo sua virgindade no carro, parece mais ter um filho de Mandrake, o mágico, porque ele só aparece quando convém ao autor do folhetim.

O mais ridículo então é Taíssa, a louca, fissurada por Pedro, que faz mil estripulias para ficar com seu amado, chantageando-o com fotografias, indo morar até em sua casa para ficar mais grudada com ele, que dormem no mesmo quarto, persegue-o até a exaustão.

O ano passou e essa cansativa trama não terminou, até quando esperar?



Marcelo de Oliveira Souza



DEVANEIOS NA NOVELA MALHAÇÃO







A interminável novela Malhação, agora deu para aparecer os devaneios do seu autor.

Não sei se ele acha que as pessoas que assistem ao seu folhetim são algum tipo de lunáticos.

As coisas que ele apronta são fora de série, agora ele colocou um mendigo para viver na arabaca de Cabeção e Maumau, traçando um tom de comédia, passando vários capítulos naquela agonia, se o dito cujo sai ou não do carro, que ele adotou como sua moradia.

A louca Bia, que teve seu filho com Perereca, perdendo sua virgindade no carro, parece mais ter um filho de Mandrake, o mágico, porque ele só aparece quando convém ao autor do folhetim.

O mais ridículo então é Taíssa, a louca, fissurada por Pedro, que faz mil estripulias para ficar com seu amado, chantageando-o com fotografias, indo morar até em sua casa para ficar mais grudada com ele, que dormem no mesmo quarto, persegue-o até a exaustão.

O ano passou e essa cansativa trama não terminou, até quando esperar?



Marcelo de Oliveira Souza



Tel 71*91253586
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui