Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
37 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57933 )
Cartas ( 21204)
Contos (12790)
Cordel (10234)
Crônicas (22050)
Discursos (3145)
Ensaios - (9188)
Erótico (13453)
Frases (45019)
Humor (18873)
Infantil (4086)
Infanto Juvenil (3114)
Letras de Música (5496)
Peça de Teatro (1328)
Poesias (138515)
Redação (2983)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2416)
Textos Jurídicos (1932)
Textos Religiosos/Sermões (5184)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cartas-->DESTA VEZ ESTOU COM O CLÉSIO -- 07/12/2003 - 21:17 (ANTICRISTO) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

Recentemente, o Clésio, que muito se preocupa com placar, propôs um zeramento total. Depois, o Domingos, que sempre tem boas idéias, propôs que tudo fosse organizado em “ordem alfabética” (Refletindo sobre o PLACAR -- 04/12/2003 - 18:34). Eu, que fico sempre observando a confusão em torno dos placares, pensando bem sobre as proposta, sem levar em conta os argumentos despendidos, desta vez estou COM DO CLÉSIO. A organização em ordem alfabética, proposta pelo Domingos, parece-me que não traz nenhum benefício, mas sim um grande malefício: tira a facilidade que temos de dar uma rápida olhada em tudo de novo que se publica. Se os textos saírem da ordem cronológica, como iremos descobrir os novos textos dentro de mais de cem mil?. Já o zeramento proposto pelo Clésio, por sua vez, não elimina, mas diminui as desvantagens dos novos autores, dando-lhes igualdade de oportunidade no placar dos textos mais lidos. Eu tenho vários dos textos mais lidos, que dificilmente poderão ser alcançados por textos dos novos autores; mas acharia justo esse zeramento. É algo para o Sr. Waldomiro pensar. Se atender ao Clésio desta vez, será bem mais proveitoso do que quando criou novos placares. Os novos placares não foram nenhum mal; mas esse zeramento diminuirá as desigualdades.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui