Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
67 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57105 )
Cartas ( 21170)
Contos (12598)
Cordel (10092)
Crônicas (22211)
Discursos (3137)
Ensaios - (9015)
Erótico (13403)
Frases (43753)
Humor (18484)
Infantil (3792)
Infanto Juvenil (2716)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1317)
Poesias (138313)
Redação (2926)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2401)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4889)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cartas-->O PROBLEMA DOS VEADINHOS DE PELOTAS -- 05/12/2003 - 04:54 (ANTICRISTO) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

“A notícia de que a São Clemente, escola de samba do Rio de Janeiro, vai colocar o nome da cidade em uma de suas alas, deixou muito pelotense indignado. ‘Eu acho um abuso, uma falta de respeito, com a população de pelotas’. O motivo da revolta é a forma como a cidade vai ser representada na avenida. O carnavalesco Milton Cunha vai juntar na Marquês de Sapucaí animais míticos de várias partes do país: do Amazonas vem o boto cor-de-rosa, o Rio entra com a eguinha pocotó e do Rio Grande do Sul vêm os veadinhos de pelotas. Milton Garante que tudo não passa de uma grande brincadeira. “O deboche só existe se a coisa debochada pega a corda. Se a coisa debochada bate, aí que cai todo mundo de pau. Isso é carnaval, isso é brincadeira, isso é uma noite. Essa fama que tanto incomoda os pelotenses tem uma explicaçäo histórica. No século 19, a produção de charque fez da cidade uma das mais ricas do Estado. As famílias mandavam os filhos estudar na Europa. Eles voltavam com hábitos requintados. Tanto refinamento não era visto com bons olhos pelas pessoas mais simples da cidade. “Num determinado momento, meados do século vinte, se criou uma maledicência em relação a isso e se estabeleceu o mito”, conta o historiador Mário Magalhães” (Jornal da Globo, 05/12/2003). Agora é que a fama dos gaúchos vai crescer mesmo!!!
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui