Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
54 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59060 )

Cartas ( 21235)

Contos (13083)

Cordel (10287)

Crônicas (22190)

Discursos (3163)

Ensaios - (9412)

Erótico (13484)

Frases (46422)

Humor (19255)

Infantil (4425)

Infanto Juvenil (3685)

Letras de Música (5476)

Peça de Teatro (1336)

Poesias (138173)

Redação (3049)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5503)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->ALCUNHA DE SONETO! -- 07/08/2011 - 10:40 (Andarilho) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Número do Registro de Direito Autoral:131438349744682700
ALCUNHA DE SONETO!

Silva Filho





Rasga-me o peito... u’a força bruta

Que se apresenta com alcunha de soneto

Independente, teimoso... nunca me escuta

E não pretende ser um simples amuleto.



Condena as desgraças de um gueto

E recomenda um ajuste de conduta

A Humanidade reunida num coreto

Pra colocar esperança na minuta.



Que se escreva uma página decente

Com letras a serviço da justiça

Compondo o futuro no presente!



A Paz... Matéria-prima da treliça

Respeito por um Ser, chamado GENTE

Servindo como principal premissa.



/aasf/

06/08/2011



Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 1Exibido 204 vezesFale com o autor