Usina de Letras
Usina de Letras
16 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 61958 )

Cartas ( 21333)

Contos (13252)

Cordel (10444)

Cronicas (22531)

Discursos (3235)

Ensaios - (10261)

Erótico (13560)

Frases (50368)

Humor (19994)

Infantil (5390)

Infanto Juvenil (4724)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1375)

Poesias (140716)

Redação (3290)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1956)

Textos Religiosos/Sermões (6141)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->ME PEGO RINDO -- 21/04/2010 - 17:08 (Alzira Chagas Carpigiani) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Me pego rindo

das tolices santas

que já vivi



Com você também

é assim?



Comigo não tem

jeito

É quase sina

É mais...

É praga de mãe

Só pode



Ouço o rádio

e volto

quinhentos anos

no tempo



Reviro um baú

imaginário

repleto de coisas

Haja!

Parece sótão de avó



Puxo a ponta da

meada

e lá vem o primeiro

amor

torto bobo bambo

beijo assustado

fake



Boca seca

desconforto abdominal

inseguranças terríveis

só para ir à matinê?



Minhas viagens

no tempo

são constantes



Só preciso de

passaportes

e eles vêm em

forma de poemas

cenas de filme

ou novela

canções

trechos de livros

faces estranhas

na rua



"Saudosismo"

ô palavrinha feia,

Meu Deus!

Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui