Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
80 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57102 )
Cartas ( 21170)
Contos (12601)
Cordel (10092)
Crônicas (22211)
Discursos (3136)
Ensaios - (9014)
Erótico (13402)
Frases (43751)
Humor (18482)
Infantil (3790)
Infanto Juvenil (2713)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1317)
Poesias (138312)
Redação (2926)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2401)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4889)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->CRIANÇAS E GAIVOTAS -- 28/12/2009 - 14:35 (João Ferreira) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos


CRIANÇAS E GAIVOTAS NA MARGEM DO TEJO

Jan Muá

19 de dezembro de 2009

Lisboa, Expo 98, Junto ao Oceanário





Lá no alto o sol ferve

Em hélio e hidrogênio

Mas seus raios ardentes

Pelas neves do planeta

São detidos

Seu rosto divino

Em luz complacente

A alegria da vida distribui

E as coisas nascem definidas

E agradecidas

Com uma alma própria

Que se revela

Embevecido o homem pára

E contempla o espetáculo

Sem saber bem o que dizer

A luz o encanta

E as linhas variadas

Do singular corpo das coisas

Chamam sua atenção examinadora

Há pequenos paralelipípedos no chão

Pretos e brancos

Comprimidos em geométrico mosaico

As crianças em alvorada coletiva

Exultam curiosas e ágeis demandando

O Oceanário

Ao lado o teleférico desliza suave

Pelos fios sobre as docas na margem do Tejo

Esvoaçam no céu aberto

E pousam depois na quina do prédio

Gaivotas agitadas

O Caffé di Roma exala perfume de cafeína quente

E cheirosa

E a tarde segue teimosamente fria

Extasiante e acolhedora

Como se fosse o hall poético de entrada

De uma ilha de amores!



Jan Muá

Lisboa, Expo 98

19 de dezembro de 2009

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 74Exibido 241 vezesFale com o autor