Usina de Letras
Usina de Letras
19 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 61949 )

Cartas ( 21333)

Contos (13252)

Cordel (10444)

Cronicas (22529)

Discursos (3235)

Ensaios - (10254)

Erótico (13559)

Frases (50353)

Humor (19993)

Infantil (5387)

Infanto Juvenil (4724)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1375)

Poesias (140710)

Redação (3290)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1956)

Textos Religiosos/Sermões (6141)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->TEATRO -- 01/10/2009 - 23:24 (Alfredo Burghi ) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
TEATRO

Eu me mataria de bater palmas naquele teatro

se o ouvisse cantar aquela musica...

Também lhe tocaria as mãos

se ela estivesse comigo naquele teatro....

Mas se ela estivesse comigo

não iria com ela àquele teatro....

Ficava em casa com braços abertos

na copa, na cozinha, na sala, no quarto,

porque ela seria bem-vinda por toda vida....

E por toda vida eu a fitaria de frente, de lado, de costas...

a fitaria o tempo todo...

porque fita-se a mulher que se ama

e mais se fita se mais se ama...

e eu a amo tanto....

tanto, tanto, que não sei como a receberia

se ela quisesse ser um ser de meu ser,

um ser de meus encontros,

uma parcela de minha vida.

Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui