Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
32 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 58118 )
Cartas ( 21211)
Contos (12860)
Cordel (10239)
Crônicas (22075)
Discursos (3147)
Ensaios - (9223)
Erótico (13451)
Frases (45260)
Humor (18932)
Infantil (4147)
Infanto Juvenil (3229)
Letras de Música (5505)
Peça de Teatro (1328)
Poesias (138693)
Redação (2995)
Roteiro de Filme ou Novela (1057)
Teses / Monologos (2417)
Textos Jurídicos (1934)
Textos Religiosos/Sermões (5246)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Considero-me um POETA -- 14/11/2008 - 21:34 (Marcelo de Oliveira Souza,IWA Instagram:marceloescritor) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Eu me considero um poeta,

um homem sofrido, amargurado pela vida

Considero-me sim, um poeta

Caracterizado pela solidão e sentimento.

Eu, um poeta fico sendo

Um instrumento de leitura através do sofrimento.



Eu, um poeta como os outros

Como um em um milhão

Mas eu... Sim, eu sinto na pele,

Sinto meu poema triste, alegre, sadio... amargo.



Meu poema, tentando eu, transmitir algo

Algo que seja pra vocês, que gosto, uma alegria

Diferente da minha tristeza-alegria

Porque, acontecendo tudo em minha vida

Não tenho tudo, mesmo que venha tudo

Sempre estará faltando algo.



Mas isso nunca deverei mencionar

Para muitas pessoas não lembrar

...............................

Serei um ruído surdo

Ficarei com o sentimento mudo.



Mas sim, serei feliz

Porque sou um poeta...



Marcelo de Oliveira Souza

27.07.1985
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui