Usina de Letras
Usina de Letras
84 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 62145 )

Cartas ( 21334)

Contos (13260)

Cordel (10448)

Cronicas (22529)

Discursos (3238)

Ensaios - (10339)

Erótico (13566)

Frases (50551)

Humor (20021)

Infantil (5418)

Infanto Juvenil (4750)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1376)

Poesias (140784)

Redação (3301)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1958)

Textos Religiosos/Sermões (6175)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Das Trevas -- 23/06/2008 - 20:44 (Angela Barreto Alves) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Número do Registro de Direito Autoral:131361636987710100
Das Trevas



Das trevas eu retornarei.

As bombas atômicas em flores, transformarei.

As usinas nucleares serão estrelas caídas do céu.

Os campos de batalha serão campos cobertos de flores,

Cheios de pássaros e borboletas coloridas.

Os inimigos se apertarão as mãos.

As nações se unirão numa única nação.

Não existirão nem ricos, nem pobres.

Nem felizes, nem sofredores.

Nem distinções de raças.

Colherei enfim, o que um dia

Deus semeou.

A paz e o amor universal.

(Alegna Navrom)

Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui