Usina de Letras
Usina de Letras
89 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 62145 )

Cartas ( 21334)

Contos (13260)

Cordel (10448)

Cronicas (22529)

Discursos (3238)

Ensaios - (10339)

Erótico (13566)

Frases (50551)

Humor (20021)

Infantil (5418)

Infanto Juvenil (4750)

Letras de Música (5465)

Peça de Teatro (1376)

Poesias (140784)

Redação (3301)

Roteiro de Filme ou Novela (1062)

Teses / Monologos (2435)

Textos Jurídicos (1958)

Textos Religiosos/Sermões (6175)

LEGENDAS

( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )

( ! )- Texto com Comentários

 

Nota Legal

Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->Homens -- 27/04/2008 - 16:50 (Angela Barreto Alves) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Número do Registro de Direito Autoral:131361637166294000
Quando namorados:

Carinhosos,ternos,

Românticos, conquistadores eternos.

Fazem sonhar...

Ficar com a cabeça

Nas nuvens a suspirar...

Não medem esforços para agradar.

São criativos, alegres, sociáveis...



Quando maridos:

Possessivos, autoritários,

Donos da verdade.

Só eles têm o direito de sonhar.

Estando realizados, é o que basta.

Passam a sufocar, a usar a mulher

Para tudo o que lhes interessa.

A mulher é uma chata.

Que eles fazem o favor de aturar.

São traidores, porque afinal:

Ou a mulher é doente, louca

Ou é fria, não os satisfaz...



Se traídos, nem pensar!

Não há motivos, pois afinal

São ótimos em tudo!



Passam a ser egoístas.

A gostar de televisão,

Jornal...e dormir.

Fazem sempre tudo igual.

Estão sempre cansados,

Afinal trabalham muito.

Como se antes não trabalhassem.



Ah! Homens...

Conviver, é enfim difícil e sufocante.

Porém, viver sem,

É simplesmente impossível!

(Alegna Navrom)





Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui