Usina de Letras
Usina de Letras
32 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59271 )

Cartas ( 21241)

Contos (13147)

Cordel (10297)

Crônicas (22219)

Discursos (3164)

Ensaios - (9463)

Erótico (13486)

Frases (46709)

Humor (19312)

Infantil (4487)

Infanto Juvenil (3784)

Letras de Música (5484)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138414)

Redação (3059)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5563)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->ESMOLANDO -- 13/02/2008 - 00:45 (benedito morais de carvalho(benê)) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
vivo da seca

com a seca

e para a seca

sou profissional

político da seca

da seca industrial

sou pobre coitado

esfomeado

flagelado

de chapeu na mão

pedindo um trocado

aumento o meu gado

defendo meu pão

vivo de fazer nada

aposentado da seca

esperando acontecer

rindo por não chover

chorando em Brasilia

não ando de brasilia

dou preferência ao BMW

chuva que vá pro diabo

quero seca secular

para eu poder esmolar

lá das praias de MIAMI

usando a net e celular

Deus lhe pague Bco do Brasil

obrigado,mamãe SUDENE.



Autor Benedito Morais de Carvalho(benê)

Livro: Azul (1996)







Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 49Exibido 5126 vezesFale com o autor