Usina de Letras
Usina de Letras
60 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59266 )

Cartas ( 21241)

Contos (13145)

Cordel (10297)

Crônicas (22219)

Discursos (3164)

Ensaios - (9460)

Erótico (13486)

Frases (46705)

Humor (19310)

Infantil (4487)

Infanto Juvenil (3784)

Letras de Música (5484)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138412)

Redação (3058)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5562)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->PRAÇA DA SÉ -- 11/02/2008 - 22:49 (benedito morais de carvalho(benê)) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
Envelhecida,

envaidecida,

no marco zero,

do centro velho,

Praça da Sé

pacto de fé

poluida

pervertida

prostituida

politizada

preconceituada

prezada praça

cheia de graça

intempestiva

indeterminada

insensível

incorrigível

vadia remunerada,

falada,rezada,cantada,

odiada,amada,

as vezes esquecida

jamais deixada



Autor: Benedito Morais de Carvalho(benê)

Livro: Quase Poético (1994)
Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 49Exibido 395 vezesFale com o autor