Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
147 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 58134 )
Cartas ( 21211)
Contos (12852)
Cordel (10239)
Crônicas (22080)
Discursos (3147)
Ensaios - (9225)
Erótico (13452)
Frases (45278)
Humor (18934)
Infantil (4152)
Infanto Juvenil (3229)
Letras de Música (5505)
Peça de Teatro (1328)
Poesias (138695)
Redação (2995)
Roteiro de Filme ou Novela (1058)
Teses / Monologos (2417)
Textos Jurídicos (1934)
Textos Religiosos/Sermões (5248)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->PRÓXIMO DISTANTE -- 02/02/2008 - 22:22 (ALFREDO ROSSETTI) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Longe do mar, mas ao pé do mar,

sonho com o pé na água do mar.

Na ninfa luz o oceano troféu que infiro

ao encarar à pino o movimento



de ruas refugado. De sensível

possibilidade do mar abrigo, mar amigo,

mar desígnio, um mar dentro deságua.



Em cada ser humano há um mar fora

da geografia, fora que chama o que clama

e seduz à chama zênite que aguarda.



Em cada esquina há um mar fora da vida,

fora em nostalgia. Ânfora de Netuno

a cismar na pele espreita dos longes soturnos.



Em cada mar há uma espera herdável.

Sem ter sido nem ido nem nascido,

mas divo de eterno retorno.





www.alfredorossetti.com
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui