Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
101 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57544 )
Cartas ( 21185)
Contos (12635)
Cordel (10186)
Crônicas (22291)
Discursos (3141)
Ensaios - (9093)
Erótico (13416)
Frases (44321)
Humor (18630)
Infantil (3914)
Infanto Juvenil (2858)
Letras de Música (5479)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138271)
Redação (2948)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2412)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4993)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->ESTÁTUA -- 30/01/2008 - 18:50 (MARIA CRISTINA DOBAL CAMPIGLIA) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
ESTÁTUA



A vontade de estar perto

é uma estátua

que não tiro do lugar

porque é de pedra:

com seu peso me provoca e se apresenta

como dona que se finge de estar morta...



Ela acena com raízes

que se encostam

mas eu sei que o fingimento

não funciona:

nesta falta que me fazes

ela acorda

e me diz

que estás ausente a toda hora!



Como ambigua

tenho a parte que é possível

e meu medo de ficarmos invisíveis...

Eu receio te perder neste deserto

onde as coisas se combinam como jaulas.



Mas eu tenho estas desculpas e este tempo:

arrumei meus argumentos

com coerência :

acredito nesse mundo que não vejo...

Algum dia estamos nós.

E tu estás perto!



(ao Uósh)
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui