Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
175 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59106 )

Cartas ( 21236)

Contos (13107)

Cordel (10292)

Crônicas (22195)

Discursos (3164)

Ensaios - (9434)

Erótico (13481)

Frases (46493)

Humor (19273)

Infantil (4456)

Infanto Juvenil (3718)

Letras de Música (5478)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138218)

Redação (3051)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5518)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Humor-->Mãe...Só tem uma!... -- 28/01/2004 - 16:54 (Georgina Albuquerque) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
. A professora mandou que os alunos escrevessem uma
redação que terminasse com: "Mãe... só tem uma".

No dia seguinte, ela chama o Giovani para ler sua composição e o garoto assim começa:

"Eu estava doente, espirrando, tossindo, febril, não conseguia comer nada, não podia brincar, nem vir à escola. Aí, de noite, a mamãe esfregou Vick
Vaporub no meu peito, me deu um leitinho quente com um comprimidinho, me cobriu, eu dormi e, no dia seguinte, acordei bonzinho e feliz. Mãe...só tem uma."

A classe toda aplaudiu, a professora elogiou e deu dez para Giovani.

Chamou o Carlos, que já foi logo lendo a dele:

"Eu tinha prova de Conhecimentos Gerais no dia seguinte, não sabia nada, não conseguia decorar nada, comecei a chorar, achando que ia tirar zero. Aí a mamãe sentou do meu lado, pegou o livro, me explicou tudo direitinho, tomou a minha lição e eu fui dormir sossegado. Quando acordei, senti que sabia tudo e vim para a escola. Fiz a prova e tirei 10. Mãe... só tem uma".

A classe, emocionada, aplaudiu Carlos e a professora deu dez para ele também. E desta vez chamou o Wandergleidson Júnior:

"Cheguei no barraco, minha mãe que estava na cama com um cara que não conheço, diferente do cara da semana passada, gritou para mim:

"Wandergleidson Júnior, seu neguinho filho da puta, vai lá na geladeira e traz duas celveja!"

Aí eu abri a geladeira e gritei pra ela:
- Mãe... Só tem uma!"

*(recebida por e-mail)




Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui