Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
113 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57544 )
Cartas ( 21185)
Contos (12635)
Cordel (10186)
Crônicas (22291)
Discursos (3141)
Ensaios - (9093)
Erótico (13416)
Frases (44321)
Humor (18630)
Infantil (3914)
Infanto Juvenil (2858)
Letras de Música (5479)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138271)
Redação (2948)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2412)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4993)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->HIBISCO -- 05/01/2008 - 19:28 (MARIA CRISTINA DOBAL CAMPIGLIA) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
HIBISCO



Subimos montes e picos

Como quem não tem cidade.

Como se fosse escalando

Que esta paixão se esvaziasse...



Fizemos conta e quem sabe

Criamos cenas e contos

E até fingimos encontros

Mas cada um por seu lado.



Sujeitos na fantasia

Viajamos trens e destinos;

Fugimos à lua acima

E fomos a outros planetas.



Distancia afora e dilema

Eu moro no clima instável:

Cidade de garras grandes

Onde tem sol e faz frio.



Você reconhece o rumo

Do mar imenso e divino,

E tem janela de noites

Cheias de estrelas ao vivo...



Temos assim, diferenças

Que são maiores que crenças

E mesmo assim te persigo

Como uma fera ferida.



Como se desse vontade

De ser teimosa e em risco

Para pular do telhado

E te encontrar num hibisco.



...do teu jardim lá na Terra.

(Por ti plantado –qual isca...)



(ao Uósh)

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui