Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
196 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 58142 )
Cartas ( 21211)
Contos (12862)
Cordel (10239)
Crônicas (22086)
Discursos (3147)
Ensaios - (9227)
Erótico (13452)
Frases (45294)
Humor (18937)
Infantil (4159)
Infanto Juvenil (3232)
Letras de Música (5506)
Peça de Teatro (1328)
Poesias (138711)
Redação (2995)
Roteiro de Filme ou Novela (1058)
Teses / Monologos (2417)
Textos Jurídicos (1934)
Textos Religiosos/Sermões (5251)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Contos-->Meu pai é usuário. -- 20/01/2007 - 02:47 (Marco Túlio de Souza) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Meu pai é usuário.

- E o seu pai como ele está, melhorou?
- Um pouco.
- O que ele tem?
- Oitenta anos!
- Ele parou de fumar?
- Alguém para de fumar aos oitenta anos?
- Mas não pode?
- Claro! Que pode!
- Você é doido?
- Doido! Doido ta é meu pai pra fumar.
- Ele ta fumando?
- Claro!
- Ele ta querendo morrer?
- Não! Vamos mudar de assunto que lá vem ele.
- Você conseguiu o negócio pra mim?
- Consegui. Segura esta sacola pra mim, eu já volto.
- A dona da padaria me entregou pra sua mãe.
- Não, quem perguntou pra ela se o senhor comprou cigarro foi a minha mãe.
- Então ta eu só tirei dois!
- Eu sei o maço vai ficar lá em casa, mas só vou liberar um por dia.
- Só um?
- Se o senhor quiser eu te dou o maço todo, mas depois, se tiver que ir para o balão de oxigênio o problema é do senhor.
- Tá certo!
- Não, eu não sei se estou certo; o senhor é que tem que escolher; viver mais um, dois ou três anos não sei como, ou viver alguns meses fumando?
- Depois, você vai lá em casa tomar um café, comprei um pão novinho.
- Você pirou?
- Por quê?
- Dando cigarro para o seu pai?
- Não, eu estou comprando para ele sabe por quê? Porque ele fuma a sessenta e um anos e não dá para parar de uma vez não!
- Se ele quiser fumar eu não vou fazer nada, quem sou eu para decidir o que uma pessoa com oitenta anos deva fazer ou não.

Autor: Marco Túlio de Souza
Todos os direitos reservados ao autor.

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui