Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
95 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57502 )
Cartas ( 21184)
Contos (12607)
Cordel (10175)
Crônicas (22280)
Discursos (3141)
Ensaios - (9088)
Erótico (13415)
Frases (44274)
Humor (18616)
Infantil (3901)
Infanto Juvenil (2847)
Letras de Música (5479)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138230)
Redação (2946)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2411)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4980)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Brasília e eu : nossas almas desertas. -- 18/03/2007 - 02:06 (MARIA CRISTINA DOBAL CAMPIGLIA) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos


Este poeminha foi escrito na passagem de 2006 para 2007. Claro : em Brasília!



Brasília e eu : nossas almas desertas.



Luz agiganta : verde Brasilia.

Retas convivem alongando os braços

em meiofios emudecidos.

Emudecidos às vezes

conforme o olhar que os acompanha.



Pessoas divagam

levando na pele o deserto e os sóis

de anos e dias - como sina-

como estampas tatuadas.



Tudo parece ser nada

como se a alma pedisse, em trégua,

pausa - e olhasse o vazio.

Grandes espaços, grandes abismos...



Percorro seu verde infinito e respiro

testemunhando que existo e assino

(limite das minhas costelas).

Peço licença e assisto no céu pastel

teu granito.



Piso este chão e exacerbam

todas as dúvidas éstas, que tenho.

Cobram de mim meus silêncios

toda coerência que perco.



Junta-se azul com cimento, convivo-

e páiram as folhas ao vento.

Ar de deserto em setembro. Chuva em verão :

é janeiro!



Ando à procura de algo

como se fosse vital .

Não propriamente eu achá-lo,

mas deduzí-lo e matá-lo, mesmo sem nunca encontrar.



Talvez por isso ao que eu tenho

diga a cidade : "eu entendo"!

E como a mim e à tua alma

falta-lhe o mar ao deserto!







Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui